Nosso site utiliza cookies para melhorar a navegação do usuário. Os cookies são pequenos arquivos de páginas que você visita e que ficam salvos no seu computador. Clicando em "Eu Aceito!", você concorda com esse armazenamento no seu dispositivo e nossa Política de Privacidade.
Receba novidades do blog Mundo do Aço!

Mundo do Aço

Modalidade conhecida como ‘home equity’ está caindo nas graças dos brasileiros. Dados da Associação Brasileira das Entidades de Crédito Imobiliário e Poupança (Abecip) mostram que o volume de dinheiro emprestado no segmento, chamado também de crédito com garantia de imóvel (CGI), cresceu 7,9% em setembro deste ano em relação a setembro de 2019.

Cristiane Portella, presidente da Abecip, disse ao jornal Valor que trata-se de uma modalidade mais barata.

“Há uns dois anos, temos visto um foco maior dos grandes bancos no empréstimo por garantia de imóvel, seja para dar mais liquidez aos clientes, seja construir uma relação de longo prazo com as pessoas. O brasileiro está começando a ver que seu imóvel quitado pode ser uma fonte de crédito mais barato do que existe no mercado”, afirmou.

Há hoje R$ 11,37 bilhões emprestados para clientes de CGI, montante que, segundo o Banco Central, tem potencial para movimentar R$ 500 bilhões em crédito. De janeiro e setembro de 2020, as novas concessões tiveram alta de pouco mais de 10%, se comparado aos nove primeiros meses de 2019.

Comente aqui
O seu endereço de e-mail não será exibido no comentário
Campos obrigatórios estão indicados com ( * )
Ainda restam caracteres.
Seu comentário está aguardando aprovação.
Obrigado pelo seu comentário!

ferrominas@ferrominas.com.br

Rua Virgínia Brandão 157 - Santa Luzia
Centro, Ubá - MG, 36506-006